30
setembro
2011

Magel Studio na Minha Casa

Postado por em design

Este título parece um tanto redundante, não?

De fato é. Depois do post sobre a reforma do meu escritório (conhecido também como “Home Office“), a jornalista Cecília Arbolave da revista Minha Casa da Editora Abril entrou em contato comigo para que essa história fizesse parte da matéria Trabalhar aqui é bom!. O título não podia ser melhor, por que é bom mesmo trabalhar em casa.

Dizem que trabalhar em casa traz melhor qualidade de vida. E é verdade. Apesar de passar por momentos de trabalho intenso, assim como em qualquer lugar, só o fato de não ter que perder tempo e stress com transporte por exemplo, já faz uma enorme diferença.
Disciplina e organização são as primeiras palavras para quem trabalha em casa. Só com elas você consegue se manter, não misturar casa com o trabalho (apesar disso muitas vezes ser inevitável) e por fim buscar a tão falada qualidade de vida.

O “trabalho solitário” é um dos contras. Muita gente não suportaria, mas é também uma questão de costume. Vale também sair, visitar clientes, tomar café com os amigos que trabalham em empresas e conversar com as pessoas para não endoidecer de ficar dias enclausurado.
Outra coisa é o seu perfil. Trabalhar sozinho exige que você faça o orçamento, a venda, o atendimento, o trabalho propriamente dito, a cobrança, o financeiro, e muitas outras coisas. Além disso a capacidade de se auto-gerenciar é obrigatória.

Aproveito para indicar dois livros bacanas para quem quiser “se aventurar” nessa vida de Home Office: Manual do Freela e Atendimento Nota 10

Ah! já ia me esquecendo das imagens da Minha Casa! 😉

Fotos Marcos Lima (SP)
Reportagem Cecília Arbolave

E para que não viu o post com detalhes da reforma, segue o vídeo:

E você? trabalha em casa, já trabalhou ou tem vontade de partir para a carreira solo? Diga aí!

Veja todos os posts sobre: